Blog

Horário de funcionamento

Com 25 quilômetros de bloqueios e desvios, volta das férias pode gerar transtornos no trânsito da Capital

26.02.2015

0341a_final_lindoia_card_02fev18_coleta

A Porto Alegre que os motoristas vão encontrar na volta das férias estará cheia de trincheiras. Entre construções e reformas, há trechos interrompidos em obras que dificultam ainda mais o trânsito. E a previsão de conclusão não é animadora: não há garantias da prefeitura de que as ruas e avenidas hoje bloqueadas estarão prontas para uso quando recomeçarem as aulas.

 

O período de férias serve como ignição para que obras complexas tenham início ou sejam retomadas, o que resulta em bloqueios e desvios em diversos pontos da cidade. Com menor fluxo de carros, os trabalhos nesta época não teriam tantos reflexos caso começassem ou terminassem rapidamente. O problema é que eles raramente têm início em janeiro – e quase nunca acabam antes do Carnaval.

 

– Procuramos concentrar essas obras nos meses de janeiro, fevereiro e julho, quando há menor volume de carros. Gostaríamos de estar com tudo pronto quando as pessoas voltassem de seus períodos de férias, mas não conseguimos fazer tudo o que é necessário em tempo hábil – explica Maria Cristina Molina Ladeira, diretora de Transportes da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC).

 

Rotas alteradas e mais deslocamentos
Feitas todas ao mesmo tempo, as obras dividem as equipes de fiscalização e acabam andando ainda mais devagar – além de causarem transtornos em mais regiões. Mesmo bloqueando apenas um trecho das vias, as interrupções criam desvios que ampliam os deslocamento, modificam as rotas dos ônibus e dificultam a vida de pedestres. Somados, os bloqueios e desvios alteram o tráfego em 25,5 quilômetros na Capital: 6,2 km de bloqueios e 19,3 km de desvios.

 

O titular da Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov), Mauro Zacher, defende que houve avanços no ano passado, e 2015 será marcado pela conclusão de obras que se arrastam há muitos meses.

– As obras evidentemente trazem transtornos, porque a gente faz com que o trânsito se torne mais lento, mas trarão no futuro fluidez e qualidade de tráfego que o cidadão merece – garante o secretário.

 

Na zona Norte, o trecho bloqueado é entre as ruas Felicíssimos de Azevedo (por onde começa o desvio no sentido Centro-bairro) e Luzitana. No sentido bairro-Centro, o desvio tem início na Rua Portugal. O bloqueio é de 750 metros. A obra visa garantir maior capacidade de fluxo de veículos na região e ampliar a segurança dos pedestres.  Para saber onde são os outros bloqueios, acesse http://zh.clicrbs.com.br/rs/porto-alegre/noticia/2015/02/com-25-quilometros-de-bloqueios-e-desvios-volta-das-ferias-sera-de-transtornos-no-transito-da-capital-4699894.html

 

Fonte: Zero Hora

compartlhar

Lojas Abertas 20/10