Blog

Horário de funcionamento

Bairro da Zona Norte recebe inseticida contra a dengue

26.03.2015

 

0543a_lindoia_card_03mar126_inseticida_blog

Cinquenta e nove imóveis de seis ruas, ou trechos, receberam aplicação de inseticida dia 18, no bairro Higienópolis, zona Norte da cidade. A ação, comandada pela Coordenadoria-Geral de Vigilância em Saúde, ocorreu depois da confirmação de um caso importado de dengue. O paciente viajou a Ribeirão Preto, onde foi infectado. A aplicação do inseticida buscou atingir os mosquitos adultos, evitando, desta forma, a transmissão do vírus. A transmissão da dengue acontece no ciclo homem – Aedes aegypti – homem, ou seja, uma pessoa infectada que é picada pela fêmea do mosquito irá contaminar o inseto com o vírus. A partir daí, a fêmea passa a transmitir o vírus da dengue, ao picar outras pessoas.

 

A aplicação do produto, deltametrina (um piretróide), mesmo inseticida utilizado nos produtos de uso doméstico, à base de água, com baixa toxicidade para seres humanos e mamíferos em geral, foi feita no seguinte perímetro:

 

– Rua Honório Silveira Dias, entre a rua Couto de Magalhães e avenida Cristóvão Colombo;
– Rua Líbano, em toda a sua extensão;
– Rua Couto de Magalhães, entre a avenida Dom Pedro II e a rua Luzitana;
– Em um trecho da rua Coronel Camisão, próximo à rua Couto de Magalhães;
– Avenida Dom Pedro II, entre rua Couto de Magalhães e travessa Cunha Vasconcelos;
– Trecho da Rua Luzitana, entre avenida Cristóvão Colombo e a rua Couto de Magalhães.

 

O paciente contraiu o vírus da dengue na viagem ao interior paulista, onde também se iniciaram os sintomas. O retorno para Porto Alegre foi em 11 de março. Com mais esse caso confirmado, sobe para 11 o número de pessoas com dengue em Porto Alegre em 2015 – 10 casos importados e um autóctone.

compartlhar

Lojas Abertas 16/09